Uma Rápida Review – Redline

Review originalmente publicada na página do blog no facebook, em 13/02/2017

Redline é um filme que eu já tinha algum interesse em ver já tem um tempo, mas nunca realmente me importei de ir checar. Isso por conta de muito do que eu ouvia sobre a obra: a de que era espetacular visualmente, mas mediana pra baixo em praticamente todos os outros quesitos. O que… ééééé, tem lá seu grau de verdade.

O roteiro não é nada novo, sendo a sua típica história do esporte tomado pelos “poderosos” que manipulam os resultados, um protagonista metido nisso até o pescoço, mas que mesmo assim quer satisfazer a própria vontade de vencer e… É, basicamente a mesma história que você com certeza já viu antes e que sabe muito bem como acaba.

Mas de longe o maior problema do anime é o seu ritmo. Sinceramente, pra uma obra sobre CORRIDA é irônico o quão arrastado o filme parece. Pra terem uma ideia: a corrida em si, a Redline, só começa depois da primeira HORA. E não é como se essa hora tivesse sido gasta super bem: tem VÁRIAS cenas que parecem completamente inúteis e arrastadas (vide literalmente todas envolvendo o “noticiário” daquele mundo, que tenta dar alguma personalidade aos secundários, mas qual é, alguém se importa com qualquer um deles?).

Mas não é como se o filme não tivesse bons momentos. A animação é de fato bem fluida, e o estilo artístico, embora não realmente algo que eu tenha gostado muito, é no mínimo diferente e interessante. E hey, apesar da minha fala anterior sobre os secundários, ao menos a Sonochee é bem legal, e provavelmente a personagem mais carismática de todo esse filme.

Mas é de fato uma obra totalmente sem foco, que mescla em si aventura, corrida, suspense, máfia, até uma fucking batalha de monstros gigantes, nenhuma dessas coisas tomando realmente o tempo que merecia e muitas delas nem tendo uma conclusão de fato. Eu vou dizer que quando estamos na corrida (na corrida MESMO, não desviando de obstáculos) o anime é extremamente divertido de assistir, o que faz ao menos o seu final, com os últimos momentos da corrida, algo muito legal de ver. Mas todo o resto… ugh.

Eu acho que ainda gostei de ter visto tanto pela fama que a obra tem como porque o seu final é mesmo bem legal, então ao menos não terminei o filme achando que perdi meu tempo [rs]. Isso dito, não é realmente uma obra que eu recomendaria por ai, mas ei, cada um com suas visões, e se o filme te pareceu interessante mesmo com tudo o que falei vá lá dar uma conferida e talvez se divirta mais do que eu o/

Ficha técnica:

Título: Redline
Ano: 2009
Estúdio: Madhouse
Adaptação: obra original
Direção: Takeshi Koike

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s