Uma Rápida Review – Sen to Chihiro no Kamikakushi

Review originalmente postada na página do blog no Facebook, em 01/01/2017

A Viagem de Chihiro, talvez um dos mais conhecidos filmes do estúdio Ghibli, e justamente por isso o primeiro que eu quis assistir (porque é, eu meio que nunca vi nada do estúdio… me julguem :v ). E… É… É um filme legal… Eu acho.

Honestamente, antes mesmo de eu ver o filme eu já tinha uma boa expectativa do que iria encontrar: o seu típico filme “para toda a família”, para o bem e para o mal. E… É, Chihiro é exatamente isso: um filme para você reunir a família – especialmente as crianças – e assistir com um balde de pipocas na mão. Mas também, só isso.

Não entendam mal, eu gostei do filme. É divertido. É bonito, e bem bonito aliás. A animação é bem fluida, e os cenários principalmente são incrivelmente detalhados, imaginativos e interessantes. A trilha sonora também é ótima, e complementa muito bem diversas cenas. É um filme claramente feito para encantar, e para todos os efeitos eu acho que ele faz isso muito bem.

Meu maior problema é quando entramos na história, que… como eu posso dizer… Faz pouco ou nenhum sentido, pelo menos sem o contexto adequado.

Tipo, Chihiro e os pais acabam presos no mundo espiritual (que eles acessam após entrar em um parte temático abandonado… perto de uma cidade… ta), e seus pais acabam sendo transformados em porcos após comerem um monte (… ta [2]). E pra ficar naquele mundo, a Chihiro precisa encontrar um trabalho… Mas… Pera, se não querem ela ali, porque simplesmente não devolver os pais à forma normal e mandar os três embora?

Agora, eu digo que não faz sentido sem o devido contexto, porque esse mundo é CLARAMENTE inspirado no submundo da mitologia xintoísta. Por exemplo, “se comer algo, fica preso ali” é uma das regras daquele mundo. Mas fora do contexto de uma referência cultural, ele faz bem pouco sentido (como… tipo… toda mitologia sempre).

Eu não quero me estender demais aqui, mas digamos que esse é aquele típico filme que quanto mais você pensa a respeito menos sentido faz, o que meio que é o ônus da grande maioria dos filmes para crianças.

Eu acho que até onde filmes pipoca vão, Chihiro é bem divertido, mas, honestamente, não é um filme que conseguiu me surpreender, e nem algo que eu particularmente recomendaria, salvo se você gosta de filmes desse tipo.

Mas digam ai, o que vocês acham desse filme? Sintam-se a vontade para concordar ou discordar, e até a próxima review o/

Ficha técnica:

Título: Sen to Chihiro no Kamikakushi
Ano: 2001
Estúdio: Ghibli
Adaptação: Obra original
Direção: Hayao Miyazai

Visitem:

Reddit

YouTube

Twitter

Facebook

Um comentário sobre “Uma Rápida Review – Sen to Chihiro no Kamikakushi

  1. Poxa, amo Chihiro justamente pelo encanto que ele me fez sentir <3 Ele me passou um fascínio, uma tranquilidade… Quanto mais eu assistia, mais queria ver aquele mundo. Mas sei que isso é algo que vai da experiência de cada um com a obra.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s